SIMA participa da primeira edição do GreenTech Challenge no Brasil

Evento global é focado em empresas sustentáveis e realiza imersão com startups

Nesta quinta-feira (28), o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido, participou da abertura do Greentech Challenge, no Cubo Itaú, em São Paulo. O evento é realizado pela empresa dinamarquesa Grupo de Inovação Verde , focada em buscar inovação “verde” pelo mundo, estabelecendo conceitos entre corporações e investidores com tecnologia de impacto em sustentabilidade. Há cinco anos, o grupo lidera programas de aceleramento junto aos mais relevantes jogadores em mercados globais.

Dedicado à compreensão e discussão do mercado de “negócios verdes”, o Desafio Greentech aborda temas de diversos setores no âmbito da sustentabilidade, como energia, lixo, água, Fintech, economia circular, economia azul, entre outros.

Na abertura do evento, o secretário destacou ações realizadas pela SIMA, como o projeto Novo Rio Pinheiros. Penido saliente também outras atribuições que congregam as áreas de recursos hídricos, saneamento, resíduos sólidos, energia e mineração, bem como a importância da política estadual na proteção e administração da qualidade ambiental.

“Saneamento básico é tão fundamental quanto a saúde e a educação. Nós buscamos esta universalização por meio da Sabesp , que além de melhorar a saúde pública, contribui para a preservação do meio ambiente ”, avaliou.

Também participam do evento, nomes como Ricardo Gravina, da  Climate Ventures ; Gustavo Junqueira, da  Inseed ; o dinamarquês Martin Petersen, diretor do Green Innovation Group e criador do evento; e Alessandra Sollberger, suíça de origem brasileira que é líder no mercado de blockchain global e CEO da  Evermore Health .

O Greentech Challenge

O Greentech Challenge consiste em programas intensos de aceleração, onde startups passam por quatro dias de mentoria e exposição aos players do mercado. Durante os três primeiros dias uma seleção das 12 empresas promissoras é treinada, através da interação com parceiros globais e locais. No ultimo dia elas participam de take to Pitching para uma audiência de investidores e participantes de mercados relevantes.

Todas as startups envolvidas no processo de aceleração são pioneiras da atualidade, e já estão criando a inovação de impacto tornar o futuro mais verde. Elas são selecionadas por serem agentes de enorme potencial, com tração comprovada, alta escalabilidade, maturidade para transformar e implementar soluções no cenário global.

Artigo publicado em: https://www.infraestruturameioambiente.sp.gov.br/2019/11/sima-participa-da-primeira-edicao-do-greentech-challenge-no-brasil/